sábado, 23 de janeiro de 2016

#RESENHA: Extraordinário

Extraordinário, de R.J. Palácio, conta a história de August, um menino que nasceu com uma espécie de distúrbio no rosto, o qual apresenta algumas características muito incomuns: os olhos são quase nas bochechas, as orelhas não apresentam um formato comum e a boca ficou desconfigurada depois de tantas cirurgias.
O livro relata fatos sob diferentes narrativas e perspectivas de quando o menino começa a frequentar a escola, onde logo no primeiro dia faz uma amiga: Summer! Além de Summer, August torna-se amigo de Jack; no entanto, vai enfrentar algumas dificuldades com as outras crianças (com algumas mais do que com outras) e até mesmo com o próprio Jack.
Durante a leitura nos deparamos com diversos pontos de vista além do de August, sendo que nos é apresentada uma perspectiva fantástica e não tão previsível assim sobre o bullyng e de como é ser diferente, ou conviver com alguém que o seja, e não ser muito bem aceito pela maioria das pessoas.
A narrativa da autora acompanha o estilo de escrita da personagem que está narrando, possibilitando-nos uma leitura rápido e fácil, além de muito prazerosa!
O livro nos dá uma lição inestimável de gentileza, bondade e compaixão. Com certeza um ótimo livro pra começar resenhando no blog, e uma leitura que eu recomendo muito! Abaixo, três frases que me chamaram a atenção durante a leitura, dentre muitas outras:
"Quando tiver que escolher entre estar certo e ser gentil, escolha ser gentil."
"Todo que é nascido de Deus vence o mundo."
"O primeiro dia depois do feriado foi chuvoso e nojento. Um dia enlameado. Também era assim que eu me sentia por dentro."